República Notícias

Artistas da Globo entram em combate contra a emissora após denúncia escandalosa

COMPARTILHE:

O Sindicato dos Artistas e Técnicos do Rio de Janeiro (Sated/RJ) decidiu processar a Globo, motivado pelas declarações de Mateus Solano sobre a remuneração dos atores em reprises de novelas.

A informação veio à tona após Solano, em tom de ironia, questionar quanto a empresa iria faturar com a reprise de “Viver à Vida” e indagar sobre a remuneração dos intérpretes, enfatizando que direito autoral não é favor. O perfil do Canal Viva havia feito um post sobre a reprise, desencadeando a discussão.

ANÚNCIO

O processo do sindicato alega que os valores pagos aos artistas pelas reexibições são insuficientes. Hugo Gross, presidente do Sated/RJ, afirmou que a Globo “tem tratado a categoria com desdém, apesar de esses profissionais terem ajudado a emissora a alcançar alta audiência”.

Ele ressaltou que o trabalho e os direitos autorais “são irrenunciáveis” e garantiu que o sindicato irá “lutar com unhas e dentes na esfera judicial” pelos direitos dos artistas.

Após a controvérsia gerada pelas declarações de Solano, a Globo emitiu um comunicado afirmando reconhecer a importância de preservar os direitos de propriedade intelectual.

ANÚNCIO